Dieta para a síndrome do intestino irritável: Quais alimentos devemos consumir?

O cólon irritável é um transtorno digestivo que pode causar dor e inchaço abdominal, além de alterações na frequência de ir ao banheiro. De fato, este problema também conhecido como intestino irritável, pode causar diarreia e constipação. Seguir uma dieta para a síndrome do intestino irritável é a melhor forma de combater este problema.

Esta doença tem diversas causas. Por um lado, pode ter sua origem psicossomática, associada à episódios de estresse. O surgimento da síndrome do intestino irritável também é associado com a alteração da flora bacteriana do intestino. A ingestão de suplementos probióticos, junto a uma dieta adequada, pode contribuir para aliviar os sintomas desta doença (1).  

Pontos-chave 

  • A síndrome do intestino irritável é uma doença caracterizada pelo inchaço e dor abdominal, bem como episódios de diarreia e constipação. Suas causas não são claras, mas o sexo do indivíduo, a dieta e o estilo de vida podem influenciar no aparecimento.
  • Para aliviar os sintomas do cólon irritável, é necessário descartar a maioria dos alimentos gordurosos e lácteos, entre outros. Existem dietas específicas para tratar esta doença, como a dieta baixa em FODMAP.
  • É possível complementar a dieta com suplementos que ajudem a diminuir os sintomas associados à Síndrome do Intestino Irritável. As fibras solúveis, como o psyllium ou os probióticos para a microbiota intestinam podem suavizar os transtornos provocados pelo cólon irritável.

Tudo que você precisa saber sobre a dieta para a síndrome do intestino irritável 

Os causadores da síndrome do intestino irritável ainda não estão claros. No entanto, existem fatores que podem contribuir para sua aparição e posterior agravamento. O estresse, os hormônios no caso das mulheres e a alimentação incidem de diversos modos no surgimento desta doença (1). Veja abaixo como deve ser a dieta de quem sofre desta doença.

O que você não deve consumir se você sofre da síndrome do intestino irritável? 

O diagnóstico da síndrome do intestino irritável não é fácil, pois os sintomas variam muito de uma pessoa para outra. Uma vez determinada a existência deste problema pelo médico, este irá prescrever uma dieta adequada, específica para o paciente. Esta dieta deve ser livre de uma série de alimentos que agravam os sintomas desta doença (2):

  • Alimentos integrais: a fibra insolúvel pode agravar os sintomas.
  • Alimentos ricos em gorduras.  
  • Frutas cítricas, principalmente a laranja. 
  • Frutas ricas em frutose
  • Sucos de frutas
  • Comidas picantes ou muito temperadas
  • Café, chá e bebidas gaseificadas
  • Lácteos
  • Bebidas alcoólicas
  • Chocolate
  • Verduras cruas
  • Repolho, couve flor, brócolis e outros vegetais que causam flatulências. 
  • Leguminosas
síndrome do intestino irritável dieta
O brócolis geralmente é um alimento que causa flatulências. (Fonte: Hansel: tbkh5z8ekhy / Unsplash.com)

O que é a dieta FODMAP para a síndrome do intestino irritável? 

A dieta FODMAP foi desenvolvida por pesquisadores de uma universidade australiana. Sua sigla corresponde, em português, às palavras oligossacarídeos, dissacarídeos, monossacarídeos e polióis fermentáveis. É uma ferramenta utilizada por médicos e nutricionistas para combater os sintomas de doenças como a síndrome do intestino irritável e a doença de Crohn (3)

Esta dieta exclui alimentos ricos em carboidratos, como a frutose ou lactose, entre outros. Estes compostos podem passar ao intestino grosso sem ser digerido, alimentando as bactérias e causando inchaço, gases, dores e diarreia. A dieta baixa em FODMAP pode originar alguns desequilíbrios nutricionais, por isso o médico ou nutricionista pode recomendar o consumo de algum suplemento alimentar.

Quais alimentos devem estar na dieta para a síndrome do intestino irritável? 

As dietas desenvolvidas para combater os sintomas do intestino irritável não excluem totalmente certos grupos de alimentos. Em muitos casos, apenas reduz a quantidade de alimentos ingeridos. Abaixo, vamos mostrar uma tabela com os alimentos que você deve consumir se estiver com esta doença (4)

Alimentos permitidos  Alimentos em quantidades limitadas 
Cereais refinados, massa, arroz, biscoitos Cereais integrais, leguminosas 
Lácteos desnatados, leite de soja, de aveia, de amêndoas Lácteos integrais, iogurtes com fibras
Verduras cozidas, em cremes ou purês Saladas, vegetais flatulentos (principalmente os de folhas verdes) 
No máximo, 3 porções de frutas por dia, sem cascas Banana, frutas secas, oleaginosas
Carnes e embutidos magros, peixe branco e ovo cozido Carnes e peixes gordurosos, frutos do mar
Açúcar, mel, marmelada, estévia, sacarina Cacau em pó
Água, caldos, café descafeinado, refrescos sem gás  Bebidas com cafeína, refrescos gaseificados. 
Azeite de oliva, girassol, milho, soja Manteiga e margarina, maionese, ketchup

Dieta para a síndrome do intestino irritável: café da manhã e lanche 

Dietas como a baixa em FODMAP ou a desenvolvida pelo National Institute for Health and Care Excelence (NICE), do Reino Unido, demonstraram ser muito efetivas para aliviar os sintomas da síndrome do intestino irritável. Abaixo, vamos mostrar alguns exemplos de como pode ser o café da manhã e o lanche típicos de alguém com esta doença (4)

Café da manhã Lanche
Um copo de leite desnatado ou bebida vegetal, fruta e sanduíche de pão branco com presunto ou peito de peru.  Uma fruta e um iogurte desnatado. 
Iogurte desnatado, uma fruta e cereais.  Um copo de suco e dois biscoitos com queijo desnatado. 

Dieta para a síndrome do intestino irritável: almoço e jantar 

Quem sofre cesta síndrome deve comer sempre sem pressa, sentado em um local tranquilo. Além disso, deve mastigar muito bem os alimentos. Ao invés de comer muita quantidade de comida, deve dividir as refeições em 5 ou 6 porções pequenas ao longo do dia. É importante não pular nenhuma. Vamos observar como pode ser o almoço e o jantar de quem sofre desta problema (4)

Almoço  Jantar 
Pão, purê de legumes, lombo de porco assado, fruta. Feijão verde com batata, merluza cozida à vapor, iogurte desnatado. 
Crema de cenoura, merluza assada no forno com batata, fruta. Legumes ensopados, omelete, fruta
Legumes refogados, frango ao forno, iogurte desnatado.  Crema de abobrinha, peixe grelhado com arroz, fruta. 

Dieta para a síndrome do intestino irritável: Quais suplementos posso tomar? 

A síndrome do intestino irritável é uma doença que, até o dia de hoje, não tem cura. No entanto, seus sintomas podem ser aliviados até quase desaparecer. A dieta e a atividade física são fundamentais na hora de combater esta doença, mas ela também pode ser tratada com medicamentos e suplementos alimentares, como a cúrcuma lipossomal Sundt

Suplementos probióticos 

Muitos estudos mostraram que determinados probióticos são eficazes para tratar a síndrome do intestino irritável. Embora a ingestão de suplementos probióticos não alivie todos os sintomas desta doença, muitos deles diminuem significativamente, como o inchaço abdominal, a constipação ou a flatulência (5).  

Os suplementos probióticos geralmente são apresentados em pó, para ser diluído em água. Também pode ser misturado com leite, suco ou outras bebidas vegetais. É comercializado também em cápsulas, entre as que se destacam estão as lipossomais. Estas protegem o ingrediente ativo em uma membrana de lipossomas, que facilita seu transporte e absorção pelo organismo.

síndrome do intestino irritável dieta
A dieta e a atividade física são fundamentais na hora de combater esta doença. (Fonte: Quintero: aoz8a7jo0qi / Unsplash.com)

Fibra solúvel 

Diversos estudos clínicos mostraram que a fibra solúvel é um prebiótico eficaz para aliviar os sintomas gerais causados pela síndrome do intestino irritável. Suplementos como o Psyllium, uma fibra solúvel extraída da semente da planta Plantago ovata, fomenta a microbiota intestinal (6)

O Psyllium, especificamente, favorece o desenvolvimento das bactérias intestinais que proliferam no intestino. Tomar este tipo de suplemento é, portanto, benéfico tanto para a diarreia como para a constipação, ambos sintomas da síndrome do intestino irritável. Porém, uma dose excessiva pode aumentar os gases, inchaço e flatulência (7).   


Nossa conclusão 

A síndrome do intestino irritável é um transtorno com causas pouco claras, embora esteja associado à uma dieta inadequada, algumas intolerâncias alimentares e estresse. Quem sofre deste problema deve seguir uma dieta especial, baixa em gorduras e produtos lácteos. A dieta baixa em FODMAP demonstrou ser eficaz contra esta doença.

Da mesma forma que existem alimentos proibidos, também existem muitos que podem ser benéficos para quem tem a síndrome do intestino irritável. Mesmo assim, pode ser necessário tomar algum tipo de suplemento, como probióticos, fibras solúveis, óleo de hortelã-pimenta ou a curcumina lipossomal da Sundt. 

Esperamos que este artigo tenha te ajudado. Se sim, compartilhe em suas redes sociais. E, caso tenha dúvidas, mande para nós nos comentários.

Referências(7)

  1. Síndrome de intestino irritable – Síntomas y causas [Internet]. Mayoclinic.org. 2020 [cited 23 October 2020].
  2. Dieta y Consejos para el Síndrome del Colon Irritable [Internet]. Infomed: Red de Salud de Cuba; 2020 [cited 23 October 2020].
  3. About FODMAPs and IBS | Monash FODMAP – Monash Fodmap [Internet]. Monashfodmap.com. 2020 [cited 23 October 2020].
  4. Dietas empíricas para el tratamiento del síndrome del intestino irritable [Internet]. Asociación Española de Gastroenterología; 2020 [cited 25 October 2020].
  5. Guzmán Calderón Edson, Montes Teves Pedro, Monge Salgado Eduardo. Probióticos, prebióticos y simbióticos en el síndrome de intestino irritable. Acta méd. peruana [Internet]. 2012 abr [citado 2020 Oct 25]; 29(2): 92-98.
  6. Remes-Troche J, Gómez-Escudero O. Tratamiento farmacológico del síndrome de intestino irritable: revisión técnica [Internet]. Rev Gastroenterol Mex, Vol. 75, Núm. 1, 2010; 2010 [cited 25 October 2020].
  7. Psilio rubio [Internet]. Medline Plus. 2020 [citado 15 octubre 2020].
Anterior Colágeno com magnésio: Quais as opiniões médicas? Próximo Frutas ricas em ferro: As 5 principais
Site oficial
Síndrome de intestino irritable – Síntomas y causas [Internet]. Mayoclinic.org. 2020 [cited 23 October 2020].
Ir para a fonte
Publicação oficial
Dieta y Consejos para el Síndrome del Colon Irritable [Internet]. Infomed: Red de Salud de Cuba; 2020 [cited 23 October 2020].
Ir para a fonte
Site oficial
About FODMAPs and IBS | Monash FODMAP – Monash Fodmap [Internet]. Monashfodmap.com. 2020 [cited 23 October 2020].
Ir para a fonte
Publicação oficial
Dietas empíricas para el tratamiento del síndrome del intestino irritable [Internet]. Asociación Española de Gastroenterología; 2020 [cited 25 October 2020].
Ir para a fonte
Artigo científico
Guzmán Calderón Edson, Montes Teves Pedro, Monge Salgado Eduardo. Probióticos, prebióticos y simbióticos en el síndrome de intestino irritable. Acta méd. peruana [Internet]. 2012 abr [citado 2020 Oct 25]; 29(2): 92-98.
Ir para a fonte
Artigo científico
Remes-Troche J, Gómez-Escudero O. Tratamiento farmacológico del síndrome de intestino irritable: revisión técnica [Internet]. Rev Gastroenterol Mex, Vol. 75, Núm. 1, 2010; 2010 [cited 25 October 2020].
Ir para a fonte
Site oficial
Psilio rubio [Internet]. Medline Plus. 2020 [citado 15 octubre 2020].
Ir para a fonte