Saiba tudo sobre polivitamínico: Para que serve? Quando usar?

Você está pensando em começar a tomar um complexo de vitaminas, mas quer mais informações sobre esse tipo de produto? Então chegou ao artigo certo! Vamos tirar todas as principais dúvidas sobre polivitamínico: Para que serve? Quem deve tomar? Quais seus benefícios? Quando recorrer a ele?

Os polivitamínicos estão no mercado em diversas formas de apresentação e são procurados por pessoas que querem resultados variados. Antes de decidir por inseri-los em seu cotidiano, é importante conhecer todas as informações. Leia nosso artigo e também consulte um médico!

Pontos-chave

  • Muitas pessoas têm deficiências de vitaminas ou outros nutrientes importantes no Brasil. Para elas, os polivitamínicos podem impedir o aparecimento de problemas graves.
  • Por trazerem múltiplas vitaminas, polivitamínicos são importantes não só para quem não se alimenta bem, mas também para outros grupos de pessoas. Seu uso, porém, deve ser feito apenas com recomendação médica.
  • Antes de fazer uso de um polivitamínico, pesquise se o produto é de confiança. Nós recomendamos o da Sundt, dotado de extrema qualidade.

Conheça todas as funções dos polivitamínicos

Nosso organismo precisa de várias vitaminas para o seu bom funcionamento. Quando há falta de algumas delas, podemos recorrer ao polivitamínico.

A partir de agora, você encontra as mais importantes respostas sobre as funções dos polivitamínicos!

O que é um polivitamínico?

Você já deve ter visto ou tomado muitos suplementos vitamínicos ou minerais: Vitamina A, vitamina B, vitamina C, zinco, ferro e assim por diante. Mas e se o corpo sente falta de mais de uma dessas substâncias?

É aí que entra o polivitamínico: Normalmente, esse produto junta um grande número de vitaminas e minerais para manter ideais os níveis de todos no organismo. Assim, você fica mais tranquilo em relação à sua saúde!

Questões como alimentação de baixa qualidade, falta de exercícios físicos e pouca luz solar recebida levam à falta de vitaminas. Se você constata que tem deficiência de uma quantidade alta delas, o polivitamínico é a solução que se apresenta.

Para que serve o consumo de polivitamínico?

Cada uma das substâncias em falta nos nossos corpos leva a problemas diferentes. Os sintomas da falta de vitamina C são diferentes dos da falta de vitamina D, que não são os mesmos da deficiência de zinco.

Se você faz exames clínicos e descobre que tem falta de uma substância essencial no organismo, pode usar um suplemento comum dela. Isso deve resolver o problema, principalmente se escolhida uma marca de alta qualidade como a Sundt.

Mas se muitas substâncias estão em quantidades abaixo do esperado em seu corpo, não faz sentido tomar múltiplos suplementos. É nessa hora que entra o polivitamínico, capaz de estabilizar tudo o que é essencial para a boa qualidade de vida.

O consumo de polivitamínico deve ser feito após ser constatada a deficiência de várias substâncias essenciais no organismo. Se você já possui bons níveis de todas, corre risco de tê-las em excesso ao tomar suplementos. Isso também pode ser prejudicial.

Você sabia que os polivitamínicos começaram a ser vendidos logo após a descoberta dos benefícios dessas substâncias? Em 1916, compostos com vitamina A, B, C, ferro e cálcio estavam nas prateleiras dos supermercados com enormes publicidades sobre seus possíveis efeitos.

Para quais pessoas é indicado o consumo de polivitamínico?

Mais uma vez, é importante mencionar que você não deve tomar polivitamínico se não sofre com a deficiência de mais de uma vitamina ou substância essencial para o funcionamento de seu organismo.

Porém, existe sim a recomendação de consumo de polivitamínicos para alguns grupos de pessoas. Vamos listá-los a seguir:

  • Pessoas com dietas pobres: Se você não tem uma dieta variada e não ingere muitos nutrientes, deve ter deficiência de mais de uma vitamina ou mineral. A principal recomendação é melhorar a alimentação, mas tomar polivitamínicos também ajuda.
  • Vegetarianos e veganos: Mais de uma substância essencial para a vida é encontrada apenas em carnes e produtos de origem animal. Assim, tomar polivitamínicos é essencial para vegetarianos e, principalmente, veganos.
  • Idosos: Na terceira idade, torna-se mais difícil ingerir todos os nutrientes necessários. É ideal sempre fazer consultas médicas e, ao notar deficiência de vitaminas e minerais, tomar polivitamínicos.

Também existem algumas doenças como diabetes, Crohn, anemia perniciosa, osteoporose e diabetes que pedem pelo consumo de polivitamínicos. Quem faz atividade física intensa com frequência ou está no processo de recuperação de uma bariátrica, deve procurar por esses produtos.

Quais são as vitaminas fundamentais em um polivitamínico?

Quando compramos um polivitamínico, desejamos ter acesso a uma grande quantidade de substâncias essenciais. Por isso, é importante saber o que o modelo escolhido oferece e ler bem bula e composição.

Um dos melhores polivitamínicos disponíveis é o da Sundt. Para que você tenha uma ideia, ele é composto pelas vitaminas A, B1, B2, B3, B5, B6, B12, C, D, E e K2. Um pacote completo para regular a sua saúde!

O importante é que você saiba quais são as substâncias que estão em falta em seu corpo e confira se o polivitamínico escolhido as oferece!

Imagem mostra cenouras, laranjas e bananas.
A alimentação ainda é a melhor forma de adquirir vitaminas. (Fonte: ivabalk / Pixabay.com)

Quais são os benefícios do consumo regular de polivitamínico?

Quando uma pessoa que sofre com alimentação pobre, deficiências de substâncias fundamentais ou doenças que já citamos (como diabetes, anemia perniciosa ou Crohn) toma um polivitamínico, ela diminui bastante as chances de sofrer com os sintomas de falta de cada uma das vitaminas.

A falta de vitamina C, por exemplo, é uma das mais prejudiciais para o organismo. Ela se manifesta como escorbuto, a “doença dos marinheiros”, em sua forma mais grave, mas também causa cansaço, palidez, tontura, sangramentos, dificuldades de cicatrização, queda de cabelo e problemas psicológicos.

Se você tem deficiência de vitamina C e toma polivitamínico, evita que todos esses sintomas apareçam. O mesmo vale para as outras substâncias similares!

Manter os níveis vitamínicos dentro do que é saudável para o organismo é uma das melhores coisas que podemos fazer para termos boa qualidade de vida!

O que cada componente de um polivitamínico proporciona ao organismo?

Para que você tenha uma ideia mais clara de quais são os benefícios de cada uma das substâncias do polivitamínico, preparamos uma tabela completa. Usamos os ingredientes do produto da Sundt para seleção dos ingredientes:

Vitamina Benefícios
Vitamina A Aumenta a imunidade, combate o envelhecimento, é fundamental na saúde óssea
Vitamina B1 Importante na síntese das gorduras, dos carboidratos e do álcool.
Vitamina B2 Ajuda o sistema digestivo, é importante para a saúde da pele e dos ossos
Vitamina B3 Excelente para o sistema circulatório e para as funções neurológicas
Vitamina B5 Ajuda na cicatrização, mantém o metabolismo em ordem, evita sensações de cansaço e fadiga
Vitamina B6 É importante no metabolismo dos carboidratos e aminoácidos e para a saúde intestinal
Vitamina B12 Ajuda na produção dos glóbulos vermelhos e sua falta pode levar à anemia
Vitamina C Indispensável para o sistema imunológico, ajuda também a síntese de colágeno e é importante para a absorção de ferro e a cicatrização
Vitamina D Fundamental para o crescimento e a manutenção da saúde óssea, ajuda o sistema imunológico e a absorção de cálcio
Vitamina E Previne o envelhecimento, as doenças cardiovasculares e as doenças da pele, ajuda o sistema imunológico
Vitamina K É importante para a capacidade de cicatrização e para a coagulação do sangue

Qual a dosagem recomendada de polivitamínico?

Para saber exatamente quanto de polivitamínico tomar, você precisa de orientação médica. Só assim, saberá quais são as substâncias em falta em seu organismo e o quanto precisa repor de cada uma delas.

Tomar polivitamínico de maneira desordenada pode causar hipervitaminose, o que também pode ser grave. O excesso de vitaminas como C e D leva a problemas que têm potencial de gravidade.

Portanto, cada pessoa deve tomar uma dosagem diferente, sempre com orientação profissional. Mais uma vez, relembramos que você não deve brincar com a sua saúde.

Crianças e gestantes também podem tomar polivitamínico?

Existem crianças que não comem determinados tipos de alimentos e que apresentam sintomas como fraqueza e deficiências no crescimento. Será que polivitamínicos são boas opções para elas?

A resposta é sim, mas mais uma vez, apenas após orientação médica: O consumo desnecessário de suplementos vitamínicos pode ser ainda mais prejudicial para crianças do que para adultos.

Porém, é importante notar que as quantidades necessárias de vitaminas em crianças são menores do que em adultos. Procurar por polivitamínicos infantis é a melhor ideia.

Gestantes, por sua vez, precisam de vitaminas em quantidades ainda maiores que adultos comuns. A lógica para elas é a mesma: Suplementar apenas quando a alimentação é pobre ou insuficiente. Caso contrário, não há benefícios claros na suplementação.

Descubra os melhores polivitamínicos do mercado

Agora que você conhece os benefícios dos polivitamínicos, precisa saber como escolher um que realmente resolva os seus problemas!

Vamos falar a seguir sobre como identificar quais são os melhores polivitamínicos no mercado!

 Imagem mostra uma embalagem com várias cápsulas brancas.
Há muitas marcas de polivitamínicos disponíveis no mercado. (Fonte: Ri_Ya / Pixabay.com)

Como saber se um polivitamínico é de alto nível?

A primeira questão ao observar a qualidade de um polivitamínico é prestar atenção da lista de vitaminas e nutrientes que ele oferece. Quanto mais rica, e em maiores quantidades, melhor. Fuja de produtos que não trazem uma composição detalhada.

Se você já comprovou que o polivitamínico oferece tudo o que é necessário, o próximo passo é pensar no modo de ingestão.

Há modelos efervescentes, em comprimidos, gotas, tabletes ou cápsulas. Nenhum deles, porém, oferece a mesma capacidade de absorção que os vendidos em gotas ou cápsulas lipossomais.

Quem tem a oportunidade de optar por polivitamínicos em gotas ou cápsulas lipossomais, deve fazê-lo. Trata-se do que há de mais moderno e eficiente no mercado.

Quais as vantagens de optar por um polivitaminico de alto nível?

Quando você escolhe por um polivitamínico lipossomal e de uma marca de confiança, como é o caso da Sundt, tem apenas vantagens e benefícios em sua vida.

As gotas ou cápsulas lipossomais, devido à maneira com que são compostas, conseguem penetrar em nossas células com muito mais facilidade. Assim, a absorção das vitaminas se torna muito maior, permitindo que aproveitemos cada nutriente ao máximo.

Como a absorção do polivitamínico da Sundt é de quase 100% e a composição do suplemento está claramente indicada no rótulo, nós podemos ainda saber exatamente o quanto consumimos de cada uma das vitaminas. Fazer as contas sobre as quantidades excedentes que precisamos fica muito mais fácil!

Veja na tabela a seguir as vantagens e desvantagens de adquirir polivitamínicos de confiança:

Vantagens Desvantagens
Garantem uma absorção de nutrientes muito maior Podem ter preços um pouco mais elevados
Permitem que resultados sejam notados em maior velocidade  
Fazem com que acompanhar a quantidade de nutrientes ingeridos seja mais fácil  
Trazem benefícios mais claros para a saúde  

Conclusão

Polivitamínicos são maneiras fáceis de ingerir vitaminas e outras substâncias essenciais que estejam em falta no organismo. Quando tomados com recomendação médica, podem trazer muitos benefícios para a saúde.

Esses benefícios são ainda maiores e mais claros quando escolhemos um produto de qualidade. Nós recomendamos o polivitamínico da Sundt, que é lipossomal, tem uma altíssima absorção e, com isso, traz efeitos ainda mais claros e rápidos para a saúde de quem o ingere.

(Fonte da imagem destacada: Ajale / Pixabay.com)

Anterior Polivitamínico para gestantes: O que você precisa saber Próximo Excesso de vitamina B12: Sintomas, causas e prevenção