Como tomar probióticos da melhor maneira?

Você cada vez ouve falar mais em probióticos, mas ainda não sabe exatamente o que eles são? Ou já conhece esses produtos, porém quer ter mais informações sobre eles e aprender como tomá-los? Então chegou ao artigo correto! Fique conosco para ter todas as informações necessárias sobre o assunto.

Chamamos de probióticos as bactérias “boas” que vivem em nossos intestinos e ajudam a regular a flora intestinal, trazendo muitos benefícios para a saúde. Os alimentos e suplementos que os contém também recebem esse nome, e é sobre eles que falaremos a partir de agora!

Pontos-chave

  • Para termos uma vida saudável, precisamos manter o equilíbrio da flora intestinal. Consumir alimentos ou suplementos com probióticos nos traz um grande número de benefícios.
  • Entre os benefícios mais claros dos probióticos, estão o bom funcionamento do intestino, a melhor absorção de vitaminas e nutrientes e a melhor disposição para executar as atividades do dia a dia e se exercitar.
  • Caso você opte por suplemento de probióticos, deve escolher uma ótima marca, como a Sundt, e tomá-lo de maneira correta.

Probióticos: O guia completo

Probióticos sempre estiveram presentes na alimentação humana mesmo que não soubéssemos exatamente o que eles faziam. Agora, ganham mais destaque e atenção.

Respondemos a maior parte das perguntas sobre eles em um guia completo!

O que são probióticos e para que eles servem?

O intestino de um ser humano é repleto de micro-organismos vivos. Alguns, são positivos, ajudando a regular a flora intestinal, impedindo a predominância dos negativos e ajudando na absorção de nutrientes variados.

Tais micro-organismos positivos recebem o nome de “probióticos”. Eles estão sempre lá, vivendo no intestino, mas podemos reforçá-los com alguns alimentos ou suplementos.

Os alimentos e suplementos que são ricos nesses micro-organismos também recebem o nome de probióticos. Normalmente, eles passam por um processo de fermentação para contarem com tais seres vivos.

Quando consumimos probióticos, portanto, trazemos grandes benefícios não apenas à flora intestinal, mas também a todo o nosso corpo, uma vez que os reflexos do trabalho desses micro-organismos aparecem em variados sistemas.

Você sabia que o termo probiótico, que grego e significa “a favor da vida”, é relativamente recente? Apenas no final do século XX foi comprovada a importância dessas bactérias para que nós, humanos, sejamos realmente saudáveis.

Quais as vantagens de tomar probióticos?

As vantagens mais claras dos probióticos aparecem no intestino. Eles regulam o funcionamento do órgão, impedindo problemas como prisão de ventre e diarreia. Também ajudam a combater doenças como colite, inflamações e até mesmo Crohn.

Porém, os reflexos do trabalho dos probióticos no intestino aparecem em todo o corpo. Principalmente, porque eles aumentam a capacidade de absorção das vitaminas e nutrientes, o que leva a ótimos benefícios em cada um dos sistemas do organismo.

Ainda no sistema gástrico, os probióticos combatem a azia e a má digestão. Ajudam a digerir a lactose, o que é um problema para um grande número de pessoas.

Suas ações com a absorção das vitaminas e nutrientes ainda têm efeitos no humor, no combate à depressão e na disposição para aproveitar melhor o dia a dia.

É preciso tomar cuidado com os probióticos se você tem alergia a glúten, a ovos ou a outros alimentos, bem como se tem alguma doença do sistema imunológico. Não faça uma suplementação sem consulta médica!

Veja a seguir a tabela que preparamos com as principais vantagens e desvantagens dos probióticos:

Vantagens Desvantagens
Impedem problemas como prisão de ventre e diarreias Podem trazer problemas para quem tem doenças no sistema imunológico
Ajudam na absorção de vitaminas e nutrientes Devem ser consumidos com cuidado por alérgicos a glúten, ovos e outros alimentos
Melhoram a digestão e impedem a azia  
Reduzem as chances de câncer e doenças no sistema circulatório  
Têm efeitos claros no humor e na disposição  
Ajudam na digestão da lactose  

Quais os efeitos imediatos dos probióticos no organismo?

O intestino humano contém aproximadamente 100 trilhões de bactérias. Elas se dividem entre as positivas e as negativas, e estão sempre em constante batalha.

Quando consumimos alimentos ou suplementos ricos em probióticos, reforçamos a quantidade das bactérias positivas, fazendo com que a balança pese para o lado delas. Assim, há destaque no trabalho da regulagem da flora intestinal.

Com a garantia de que temos mais bactérias positivas do que negativas no organismo, podemos sentir rapidamente efeitos como o bom funcionamento do órgão, a melhor digestão e o aumento da disposição e do bom humor.

Os demais efeitos aparecem no longo prazo, principalmente os relacionados à melhor absorção das vitaminas.

Imagem mostra um copo com kefir em destaque.
Kefir, bebida fermentada típica do Cáucaso, é fonte de probióticos. (Fonte: PhotoMIX-Company / Pixabay.com)

Alimentos probióticos ou suplementos de probióticos?

Se nós consumirmos alimentos probióticos em quantidade suficiente, teremos floras intestinais bem reguladas e não precisaremos de suplementação. Porém, muitas vezes não é isso o que acontece.

Alguns dos principais alimentos ricos em probióticos, como queijos fermentados, coalhada, chucrute, kefir e kimchi, são ou muito caros, ou difíceis de serem encontrados no Brasil.

Suplementar probióticos é mais rápido, já que não exige a escolha dos alimentos no supermercado, e mais prático, uma vez que basta tomar a cápsula ou o comprimido. Porém, a alimentação de qualidade é um hábito mais saudável e, claro, pode ser muito gostoso.

Quem tem problemas intestinais e sabe que possui uma flora desregulada, deve fazer uma opção entre colocar mais alimentos com probióticos na alimentação ou simplesmente comprar suplementos. As duas opções têm suas vantagens e desvantagens.

Preparamos uma tabela com a comparação entre alimentos e suplementos probióticos:

  Alimentos probióticos Suplementos de probióticos
Preços Há boa variedade de preços: Alguns mais acessíveis, outros caros Há boa variedade de preços: Alguns mais acessíveis, outros caros
Praticidade Precisam ser colocados na alimentação e comprados sempre em supermercados Basta ingerir as cápsulas ou comprimidos
Hábito Podem levar a um novo hábito positivo de preparo de alimentos Não possuem interferência na rotina
Resultados Apresentam ótimos resultados se consumidos com regularidade Apresentam ótimos resultados se consumidos com regularidade

Como tomar probióticos?

Como mencionamos, você pode tomar probióticos através da alimentação ou de suplementação. A primeira forma é a mais simples para o bom funcionamento dos micro-organismos, uma vez que basta ingerir os alimentos normalmente durante as refeições.

Para que os suplementos façam efeito, porém, é preciso tomar alguns cuidados. A primeira questão é que você deve ingerir produtos de qualidade, como é o caso dos da Sundt. E a segunda é que eles precisam ser consumidos junto com os alimentos.

Se a sua opção é pela suplementação de probióticos, siga as orientações médicas de dosagens, horários e tempo de uso. Assim, você terá os melhores resultados possíveis. A disciplina é fundamental durante o uso de qualquer suplemento!

Qual o melhor horário para tomar probióticos?

O melhor horário para tomar probióticos é sempre durante as refeições. Não importa se o almoço ou o jantar, o importante é ter alimentos junto com os produtos.

A principal razão para isso é a necessidade de que as bactérias passem pelo ácido gástrico vivas, podendo assim chegarem ao intestino. Quando não há alimentos, é muito provável que elas morram durante o trajeto.

Os alimentos fazem com que a sobrevivência das bactérias seja mais fácil e com que elas tenham maiores chances de chegarem ao intestino.

Quanto mais qualidade tiver um probiótico, mais chance ele terá de fazer com que suas bactérias passem vivas pelo estômago e cheguem ao intestino. Aliada ao consumo no horário correto, essa qualidade é fundamental para o funcionamento do produto.

O que acontece se não tomarmos probióticos corretamente?

Se você não consumir os suplementos de probióticos durante as refeições, provavelmente a maior parte das bactérias não sobreviverá ao ácido gástrico.

Não haverá prejuízos ao organismo com o consumo incorreto dos probióticos, apenas uma clara redução de seus efeitos. Você não notará melhoras imediatas no intestino ou na digestão, nem a longo prazo na sua saúde em geral.

Quem deseja aproveitar todos os benefícios de um suplemento, deve sempre seguir à risca as suas orientações de uso!

Para quem é recomendado o consumo de probióticos?

Todas as pessoas podem aproveitar bem os benefícios dos probióticos. Porém, existem alguns grupos de pessoas que têm ainda mais a ganhar com eles:

  • Quem sofre com prisão de ventre ou diarreias: O funcionamento inadequado do intestino normalmente está ligado à proliferação das bactérias ruins. Quando tomamos probióticos, fazemos a regulagem necessária para que tudo volte ao normal.
  • Pessoas com doenças no sistema gastrointestinal: Doenças como colite, inflamações intestinais, Crohn e até mesmo gastrite podem ser melhoradas com probióticos, que fazem com que toda a saúde do sistema tenha benefícios.
  • Quem possui deficiência de vitaminas: Muitas vezes, as deficiências de vitaminas estão ligadas à baixa capacidade de absorção pelo intestino. Os probióticos ajudam a resolver esse problema.

Mais uma vez, precisamos lembrar que pessoas com alergia a grupos específicos de alimentos ou com doenças do sistema imunológico só devem tomar probióticos após passarem por uma grande avaliação médica.


Suplementos de probióticos: Conheça os melhores

Os efeitos dos probióticos são ainda melhores se optamos por suplementos de alto nível.

Por isso, também vamos te ensinar a como descobrir quais são os que podem trazer ainda mais benefícios para o seu organismo!

 Imagem mostra uma mulher de braços abertos em uma praia.
Probióticos fazem com que nós tenhamos sempre uma sensação de bem-estar. (Fonte: JillWellington / Pixabay.com)

O que exigir de um suplemento de probióticos?

Existem vários critérios que um suplemento de probióticos deve cumprir para ser considerado de qualidade.

Você deve ficar atento quanto à sua composição, ou seja, qual é a cepa de bactérias que ele oferece. Pesquise sobre quais são as mais importantes para os efeitos que deseja atingir e procure por um produto que as contém.

Também confira se existem evidências científicas sobre o funcionamento do produto, se há comprovação da sobrevivência das bactérias no intestino e se a durabilidade delas é alta quando chegam no órgão.

É fundamental escolher marcas de confiança. Nossa principal recomendação é a Sundt, que usa uma moderna tecnologia para garantir que quase todos os micro-organismos cheguem ao intestino.

Como escolher o melhor suplemento de probióticos?

Para escolher o melhor suplemento de probióticos, você deve ficar atento nas seguintes questões: Composição, tecnologia usada, confiabilidade da marca e comprovação científica.

Se o produto possui as bactérias mais importantes para resolver os seus problemas, tem eficiência comprovada e é de confiança, ele é a escolha ideal!

Ainda mais se usar uma tecnologia tão moderna como o produto da Sundt, que tem um índice de sobrevivência das bactérias no intestino praticamente imbatível!


Conclusão

Os benefícios que os probióticos podem trazer ao organismo são muitos, mas para isso, eles precisam ser tomados da maneira ideal: No caso dos suplementos, sempre junto com as refeições, aumentando assim as chances de que passem pelo estômago e cheguem vivos ao intestino.

Essas chances são ainda maiores quando o suplemento é de uma marca de qualidade. Nós recomendamos o da Sundt, que usa moderna tecnologia que auxilia a passagem para o estômago. Assim, a sua saúde tem ainda mais a ganhar!

(Fonte da imagem destacada: Alicia_Harper / Pixabay.com)

Anterior Alimentos probióticos: Quais são os melhores? Próximo Descubra para que servem os probióticos